Encontro Normal com a Diferença regressa à Madeira

Encontro Normal com a Diferença regressa à Madeira

Encontra-se a decorrer desde domingo, dia 24 de fevereiro, o 5º Encontro Normal com a Diferença. A Companhia Clara Andermatt (ACCCA) e o Dançando com a Diferença organizam este evento desde 2014, orientado por Clara Andermatt e Henrique Amoedo.

O Encontro Normal é uma residência artística que reúne cerca de 20 intérpretes e criadores com e sem deficiência. Pretende proporcionar experiências, olhares e reflexões sobre diferentes formas de criação, expressão e comunicação. Trata-se de uma ação intensiva com profissionais, maioritariamente da área da dança e também de outras áreas artísticas como a música, teatro, vídeo, performance e a literatura.

Os encontros já decorreram nos Estúdios da ACCCA - Lisboa (2014), no Teatro Viriato – Viseu (2015), n´O Espaço do Tempo / Convento da Saudação – Montemor-o-Novo (2016) e no Mudas. Museu de Arte Contemporânea da Madeira (2014 e 2019), com o apoio das respetivas entidades.

A cada edição do Encontro Normal é lançado um tema central. Nesta edição o foco incide sobre as possibilidades da escolha, a tomada de decisões e a autodeterminação. O PENSAR, o FAZER e o AVALIAR, são conceitos que estão a acompanhar os participantes ao longo destes dias.

O Mudas. Museu de Arte Contemporânea a Madeira, na passada segunda-feira, abriu as portas para que as atividades decorressem naquele espaço. O dia começou com uma visita guiada pela diretora Márcia Sousa ao acervo permanente e exposição temporária.

O Encontro Normal com a Diferença, uma co-criação de ambas as companhias, é financiado pela Direção Geral das Artes.

Publicado a 26 febrero, 2019

187 Visualizaciones

Categoría:

Comunicación

Tags: